Um blog de Culinária, Saúde e Viagens

Arroz de polvo malandrinho – bem à moda portuguesa

Arroz de polvo malandrinho – bem à moda portuguesa

O arroz de polvo malandrinho é um prato bem frequente à mesa Portuguesa. Desde que estou a viver no Algarve, onde o que vem do mar é do fresquinho e do melhor, é uma receita frequente à nossa mesa. 

Aqui em casa, ele gosta bastante de molhinhos (tem que dar para mergulhar uma pedaço ou dois de pão caseiro algarvio!). Este arroz de polvo promete, como não podia deixar de ser, ficar bem malandrinho, bem à moda Portuguesa. Se também gosta de uma boa “molhenga” esta receita é para si.

É uma boa escolha para estes dias mais frios que se fazem sentir por aqui. Este prato aconchega bem o corpo e a alma.


Ingredientes
  • 1 polvo congelado
  • 1 caneca cheia de arroz carolino
  • 1 cenoura
  • 1 tomate maduro
  • 1 cebola roxa
  • 2 dentes de alho
  • 1 copo de vinho branco
  • 2 copos de água
  • coentros q.b
  • azeite
Preparação

  1. Colocar o polvo congelado numa panela de pressão com um copo de água e deixar cozer o tempo necessário (depende do tamanho do polvo, o meu era grande por isso demorou quase 1h).
  2. Tirar a pele do tomate e cortar em pedaços. Cortar a cenoura em rodelas o mais fino possível. Cortar o pimento vermelho e a cebola aos cubos e picar o alho.
  3. Num tacho colocar o azeite, cebola, alho e deixar fritar 2 minutos. Depois acrescentar a cenoura e o tomate e deixar mais 2 minutos. Acrescentar a caneca de arroz e deixar fritar 1 minuto. Colocar o vinho, o caldo de cozer o polvo e mais uma caneca de água e mexer só uma vez. Cortar o polvo as rodelas (tirar o excesso de pele) e colocar dentro do tacho com o arroz.
  4. Não mexer e deixar a cozer em lume brando por 10/15 min. No final acrescentar os coentros cortados por cima.
Notas
  • Eu gosto de acrescentar uma malagueta seca bem picadinha no final. Fica um picante suave e ajuda a realçar o sabor final.
  • Para servir:  leve o tacho à mesa quando ainda está a borbulhar, não espere mais do que alguns segundos e sirva.  Só assim vai conseguir saborear o verdadeiro arroz de polvo malandrinho.
  • Para acompanhar: Acompanhe com copo de vinho branco bem fresquinho.
Arroz de polvo malandrinho
Gostou?

Diga-me como é que correu a sua experiência. Os seus comentários são muito importantes para mim.

Bons cozinhados e bom apetite.


Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *